Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2014

"Espiritismo" e futebol: juntos em prol do atraso intelectual do povo brasileiro

Um famoso palestrante espiritólico - tinha que ser - daqueles bem igrejistas, escritor de mensagens piegas que em nada ajudam a evoluir o espírito, falou em seu blogue, aquele mantra doentio de que diz que "futebol tira os jovens das drogas". Não vou falar o nome dele para não dar problemas, embora desejasse que ele lesse este texto.
O futebol, do contrário que muitos pensam, é mais nocivo do que benéfico. Se fosse visto apenas como uma forma supérflua de lazer, não seria nocivo. Mas a sua exagerada importância dada coloca o futebol em um contexto que lhe é inadequado, gerando muito mais danos e quase nenhum benefício. Até porque quando foi inventado, o futebol era para ser apenas uma forma de diversão. E só isso.
Os brasileiros foram educados a dar uma exagerada importância ao futebol. Tratado como obrigação e como "identidade nacional", o futebol acaba estimulando os brasileiros a procurarem alguma justificativa para a sua exagerada importância. Como os brasileiros…

Para FEB, copa é "cumprimento de profecia" dos espíritos "superiores"

O Espiritolicismo, mais tolicista (de tolice) do que nunca, sempre lançou não de grandes asneiras para defender supostos dogmas criados para satisfazer os interesses particulares de quem administra. E para garantir ainda mais a submissão de seus fiéis, eles tem que lançar suas iscas para "pescar" seus ingênuos fiéis através dos interesses mais mesquinhos e fúteis dos admiradores da FEB e de seus ídolos.
Que o Espiritolicismo sempre gostou de se relacionar com o futebol, vício maior dos brasileiros, isso se sabe. Xavier, estranhamente, tinha escolhido a final fraudulenta da copa de 2002 para morrer (eutanásia? - "faça o que eu digo, não faça o que eu faço"), pensando causar um tumulto se morresse em um "dia normal". Chacrinha era muito mais popular que o médium mineiro e morreu em um dia comum sem que seus muitos fãs causassem qualquer estrago.
Agora a FEB, que de "Espírita" só tem o nome, foi longe demais, alegando que a copa a ser realizada no pa…

O Espiritismo Calvinista

Nos fóruns e sites em que se pretende criticar a FEB, o Espiritolicismo e todas as formas de deturpação do Espiritismo, noto a presença de muitos debatedores que assumem uma postura política de direita, capitalista. 
Quem pensa desta forma, é favorável a má distribuição de renda, defende os privilégios dos ricos, sobretudo dos Grandes Empresários e prefere a felicidade individual em detrimento da felicidade coletiva. Tudo contra o conceito de caridade do Kardecismo que afirmam defender.
Fiquei imaginando se eles ao invés de espíritas, não se sentissem melhor seguindo o calvinismo, doutrina fundada por Jean Calvin, francês como Kardec, integrande da reforma religiosa e que é tido como grande incentivador do desenvolvimento do Capitalismo.
Ou até melhor: imagino que eles, sem saber, estão criando na verdade uma espécie de "Espiritismo Calvinista", uma versão da doutrina que incorpora alguns aspectos do pensamento de Jean Calvin, que inclusive, era admirado pelo "deus" d…