Pular para o conteúdo principal

Postagens

Herculano Pires denunciando charlatanismo de Divaldo Franco

Segue carta de Herculano Pires, espírita (sem aspas) sério e maior discípulo brasileiro de Allan Kardec, escrita nos anos 70 denunciando o charlatanismo de Divaldo Franco, incluindo a denúncia de que ele como filantropo pratica "conduta condenável", desfazendo o estigma consagrado de "maior filantropo do mundo". Leiam.
Carta endereçada ao jornalista Agnelo Morato
Por Herculano Pires
Você sabe que o Chico mudou-se de Pedro Leopoldo para Uberaba, arrancado ao seio da família e à cidadezinha do seu coração por força das manobras das Trevas através do seu pobre sobrinho. Lembra-se? E não se lembra que o tópico mais importante da carta do Chico ao Jô é aquele em que ele (Chico) afirma que são essas mesmas Trevas (a mesma falange) que está agora se servindo do Divaldo? Para que fim? Para que fim?!
Muito antes do “estouro” com o Chico eu já havia sido advertido espiritualmente a respeito do médium baiano. Durante meses evitei encontrar-me com ele, pois é sempre desagradáve…
Postagens recentes

Como os "Espíritas" conseguem enganar pessoas progressistas?

É sabido que o "Espiritismo" brasileiro sempre foi conservador, por ser uma adaptação brasileira dos ideais de Jean Baptiste Roustaing, um ideólogo neo-medieval de formação católica. O próprio Chico Xavier, tido como maior liderança dos "espíritas" brasileiros, deu entrevistas demonstrando o mais medieval dos tipos de conservadorismo.
Seu progressismo é de fachada e se limita a simpatia que lideranças tem por seitas esotéricas, estigmatizadas como impulsionadoras do pregresso humanitário. Muitas vezes esse falso progressivismo é usado como isca a atrair fiéis a procura de novidades que passem além das outras seitas cristãs, sem arruinar o repertório dogmático delas.
Mas o conservadorismo dos "espíritas" se tornou bastante explícito pelo apoio dado pelas lideranças ao golpe jurídico-midiático de 2016, onde uma presidenta de orientação progressista, honesta e responsável, foi expulsa do poder para dar lugar a uma verdadeira quadrilha de mafiosos, vários de…

Porque áreas onde se situam centros "espíritas" se tornam cada vez mais violentas?

Sábios recomendam não se envolver com tábuas Ouija ou as famigeradas "brincadeiras do copo". Elas podem atrair seres desencarnados que podem tomar atitudes que podem gerar graves danos. Pois não conhecemos o mundo espiritual e ainda não temos condições de se envolver com ele.
Mas sabe o que os "espíritas" brasileiros fizeram? Pegaram a "brincadeira do copo" e transformaram em uma "doutrina" religiosa. Sem o estudo devido e reduzidos a uma seita igrejeira e moralista, os "espíritas" brasileiros romperam com Allan Kardec e decidiram brincar com "almas penadas", gerando toda a confusão que se estabilizou na "doutrina".
Isso pode explicar algo que é cada vez mais comum: o aumento da violência em áreas onde estão instalados centros "espíritas". Parece coincidência, mas em quase todas as áreas que deveriam estar protegidas pelas energias supostamente elevadas da "espiritualidade superior", atos de vio…

"Espiritismo" brasileiro: uma religião golpista

Para a opinião pública, que só enxerga fatos se aparecer em algum meio de comunicação, somente os evangélicos, principalmente neo-pentecostais e batistas, além de alguns setores da igreja católica, apoiaram claramente o golpe político de 2016, coerente com os ideais retrógrados que defendem. Mas outra religião apoiou o golpe de forma discreta, embora entusiasmada sem que muitos percebessem.
O "Espiritismo" brasileiro sempre foi uma religião conservadora. Seu progressivismo nunca passou de mera fachada e toda a bajulação a Allan Kardec, este sim comprometido com ideais de progresso, foi completamente inútil para que o "Espiritismo" brasileiro, conservador em sua essência, mudasse seu repertorio dogmático. 
A fachada de progressista é na verdade uma isca para atrair adeptos que se consideram insatisfeitos com os dogmas de outras religiões. Mas quando se entra nos "centros espíritas" logo se percebe a cilada: um desfile de ideais mais parecidos com o mediev…

A Regeneração não veio. E agora?

Por Domo Arigato, extraído do blog ESPIRITISMO DE VERDADE
Allan Kardec havia dito que a evolução da humanidade seria LENTA e GRADUAL. Mas parece que para os "espíritas" brasileiros , "lenta" e "gradual" se refere a um punhadinho de anos. Uns míseros mil anos seriam suficientes para grandes mudanças. Erradíssimo.
Se até nações milenares anda não atingiram o que seria o mínimo ideal de uma sociedade justa e inteligente, imagine um país jovem, mal nascido há pouco mais de 500 anos? Nação que mal começou a aprender a engatinhar e que para os "espíritas" menos esclarecidos é considerada a "nação mais evoluída do planeta"(??!!), capaz de dar "grandes lições de humanidade".
Pois quem está por dentro da realidade e leu os livros originais de Allan Kardec reconhece que a evolução humana levaria bilhões de anos para subir cada degrau. Os últimos anos demonstram que ainda estamos bem atrasados, com todos os instintos e a nossa sede por …

"Você e a Paz": conheça o evento que lançou a farinata de João Dória

A cada ano, no dia 19 de dezembro, na praça do Campo Grande, em Salvador, Bahia, o evento "Você e a Paz". Liderado pelo líder "espírita" Divaldo Franco, o evento, que pretende ser um "ativismo" em prol do que os religiosos chamam de "paz" na Terra, na verdade nunca passou de uma culto ecumênico em que o suposto médium, junto com representantes de outras religiões cristãs, realizam uma espécie de missa ao ar livre para dar início aos festejos natalinos.
É um evento inócuo que a cada ano perde público, sendo assistido, como objeto de curiosidade, pelos frequentadores das praças em que ocorrem as mesmas. No último dia 09 de setembro, foi a ocorrência da terceira edição na capital paulista e contou com um convidado ilustre: o próprio prefeito de São Paulo, que usou o evento para divulgar seu "projeto filantrópico": a controversa farinata, feita com restos de alimento.
É uma forma recíproca de promoção pessoal, em que tanto o prefeito (um …

A farinata mostrou que tipo de caridade os "espíritas" querem fazer

Uma verdadeira prova de como os "espíritas" entendem como altruísmo se deu há pouquíssimas semanas. Uma doutrina que tem a caridade como dogma mas que em mais de 100 anos não conseguiu resolver as desigualdades sociais no país, não pode ser verdadeiramente altruísta.
João Dória, numa tentativa de melhorar a sua imagem  forjando algum altruísmo, lançou o que ele chamou de farinata, uma gororoba feita com restos de comida, cuja verdadeira intenção é dar um destino menos oneroso à comida que iria ser descartada de forma mais cara. Alegando ser um composto vitamínico, Dória, de início conseguiu enganar a todos. Mas a mentira durou pouco tempo.
Curioso que Dória lançou a farinata na mesma semana em que sua imagem é arruinada, prejuticando sue planos de ser presidente da República. E para piorar a situação, Dória resolveu chamar alguém para cair junto com ele: Divaldo Franco, suposto médium baiano e  uma espécie de "Papa" do "Espíritismo" brasileiro, sendo sua…

Vai ficar complicado para Divaldo Franco após o caso da farinata de João Dória

Embora todos estão com um cuidado detalhado para tentar proteger Divaldo Franco de sua reputação após ceder o evento que lidera, o "Você e a Paz" para o lançamento do estranho alimento conhecido como "farinata", não há um argumento lógico que preserve toda a mitologia construída em torno do líder "espírita" e suposto médium.
Analisamos algumas hipóeteses que poderiam servir de justificativa para alguém considerado como uma divindade viva, com embutidas qualidades de sabedoria perfeita e bondade infinita, embora a prática tenha provado que tais qualidades senão inexistentes, residem no suposto médium de forma rudimentar.
Vamos imaginar algumas situações e verificaremos que em nenhuma delas Divaldo consegue salvar a sua reputação de "perfeição máxima", tendo se conformar com o prestígio de uma mera liderança que é simpática a seus seguidores.
1. Divaldo não conhecia João Dória e sua farinata: - Mito derrubado: o de paranormal conhecedor de tudo
Div…

Conheça o novo amiguinho de Divaldo Franco

Saiba quem é João Dória, o prefake que odeia pobres e que é o novo amigo do "sábio" e "filantropo" Divaldo Franco, este o "enviado de Deus" de nível altamente superior e que "tem resposta para tudo e solução para todos os problemas". Ciro conhece João Dória muito bem.

"Espiritas" decidem se afundar junto com João Dória

João Dória está com a reputação mais do que destruída. Após ver desmentida sua fama de "bom gestor" através de uma empresa improdutiva que só serve para marca encontros de empresários, mostrando que o real talento de Dória é na publicidade e não na Gestão, o prefeito de São Paulo, eleito na onda neo-conservadora de 2016, se afunda cada vez mais após abandonar literalmente a cidade para se ocupar de uma natimorta campanha presidencial para 2018. Afinal, quem elegeria para presidente do Brasil um prefeito que abandonou a maior cidade do país?
E os "espíritas", que abandonaram toda a ideologia compilada cautelosamente por Allan Kardec, trocando por um código de moral mais que duvidoso, acrescido da medonha Teologia do Sofrimento, que alega que o caminho mais rápido para a evolução espiritual é através da dor, por maior e mais insuportável que ela seja, caindo e nítida decadência, se aliam ao decadente João Dória para se manter e obter algum benefício.
Dória se utiliz…